Panamá rescinda contrato com CNO brasileira para construção de terminal aeroportuário

CIDADE DO PANAMÁ, 28 de setembro (Reuters) – O Panamá cancelou negócio com a empresa brasileira CNO SA por “não conformidade” com a construção de um terminal no principal aeroporto do país, disse em nota o gerente geral do Aeroporto Internacional de Tokuman.

“Documento rescindiu contrato com CNO SA por violação de obrigações contratuais”, disse Raful Arab em um comunicado.

O relatório dizia que, ao cancelar o contrato, a CNO também seria impedida de concorrer a projetos estatais no futuro.

“A empreiteira foi desclassificada por quebra de contrato com a CNO SA, o que a impede de participar de (futuros) leilões e contratos com o estado da Panamania”, afirmou, sem especificar quando a proibição entrará em vigor.

CNO não foi encontrado para comentar.

CNO é uma unidade integral da joint venture brasileira Novoner, anteriormente conhecida como Autoprect SA

A Odebrecht foi julgada no Panamá por subornar pessoas para conseguir contratos no país. Em 2017, firmou contrato com o Ministério Público e concordou em pagar multa de US $ 220 milhões.

O relatório de Elida Moreno no Panamá; Editando Tom Hawk

Nossos padrões: Políticas da Fundação Thomson Reuters.

READ  Índia lança novos SOPs para viajantes do Reino Unido, África do Sul e Brasil

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

DETRASDELANOTICIA.COM.DO PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Portal On Jack