Os primeiros casos da variante COVID foram detectados pela primeira vez na Virgínia, no Brasil Notícias estaduais e regionais



Teste drive-through

As pessoas recebem testes COVID-19 em um evento drive-through no Condado de Henrico em novembro. Virginia diz que quatro estados relacionados aos tipos de vírus corona estão agora em circulação.


Arquivo Richmond Times-Dispatch


Sabrina Moreno Richmond Times-Dispatch

RICHMOND – O Departamento de Saúde da Virgínia identificou Os primeiros dois casos A variante COVID-19 apareceu pela primeira vez no Brasil e desde então colocou seus sistemas hospitalares em crise.

De acordo com dados atualizados de controle e prevenção de doenças na semana passada, pelo menos 30 estados dizem que pelo menos um caso foi resolvido.

Os primeiros estudos mostram que a mutação é duas vezes mais contagiosa que a original e pode reinfectar indivíduos que já têm o vírus corona. Seu potencial para piorar as preocupações Alta resistência a vacinas Não responde a anticorpos.

CDC lista o Brasil como um Perigo de nível 4, A pior classificação recomenda que os viajantes se inscrevam no COVID e evitem viajar para o país, cujo número diário de mortes começou a se tornar o segundo maior do mundo, depois dos Estados Unidos

“Devido à situação atual no Brasil, mesmo os viajantes totalmente vacinados podem correr o risco de receber e transmitir COVID-19”, disse o conselho. “Se você tem que ir ao Brasil, vacine-se totalmente antes da viagem.”

READ  Casa Branca afirma que pretende estreitar laços com o Brasil, mas fala em preocupações

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Portal On Jack