Argentina, Brasil, Chile e Estados Unidos. A França deve ficar isolada para quem vem da África

Postado em:

O gabinete do primeiro-ministro Jean Costex anunciou no sábado que a França imporia um isolamento obrigatório de 10 dias para pessoas da Argentina, Brasil, Chile e África do Sul devido a preocupações com variações do vírus corona na região.

Embora os voos da Argentina, Chile e África do Sul não sejam suspensos, todas as chegadas desses países terão que se submeter à segregação ou serão multadas.

Os voos do Brasil já estão suspensos até a próxima sexta-feira devido a preocupações com a variante P1 do vírus corona, que é mais contagiosa do que a cepa original, e os infectados com o vírus original podem ser reinfectados.

“Percebemos que a situação está se deteriorando, razão pela qual decidimos suspender todos os voos entre o Brasil e a França até novo aviso”, disse o primeiro-ministro Jean Costex ao parlamento.

Autoridades justificaram a decisão de não proibir voos dos outros três países, dizendo que outros tipos não eram tão perigosos quanto os encontrados no Brasil. Autoridades de saúde dizem que a variante brasileira é particularmente viral.

As novas medidas isoladas serão introduzidas gradualmente nos próximos dias até que sejam totalmente implementadas no próximo sábado.

As novas medidas irão restringir a chegada de cidadãos principalmente franceses ou residentes na França e suas famílias e outros cidadãos da UE.

Os da Guiana Francesa e das Antilhas também serão submetidos a testes pré e pós-voo, disse o relatório.

(FRANÇA 24 com AFP)

READ  Govt: O número global de mortes por vírus corona ultrapassa 3 milhões | Notícias D.W.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Portal On Jack