abril 15, 2021

Portal On Jack

Agência de Notícias e Fotojornalismo

O mercado brasileiro de TIC tem projeção de crescimento de 7% em 2021

O mercado brasileiro de tecnologia da informação e comunicações deve crescer 7%, para US $ 64,4 bilhões até 2021, com o foco principal em segurança e nuvens públicas, de acordo com o analista IDC.

Cerca de 60% das organizações de usuários brasileiras planejam aumentar seus gastos com tecnologia da informação até o início de 2020, disse o pesquisador. No entanto, os planos de epidemia do Govt-19 mudaram drasticamente e as intenções de aumentar o investimento caíram para uma baixa recorde em maio e junho. A ITC, por outro lado, observou que os compradores estão atualmente mais otimistas sobre os investimentos em TIC no Brasil, com 50% das empresas planejando aumentar os custos até 2021.

De acordo com as previsões do analista, outras áreas onde as empresas irão aumentar os custos são inteligência artificial, modernização do software empresarial e experiência do cliente. Esses investimentos devem aumentar a produtividade e reduzir custos.

Além disso, os compradores esperam novos investimentos para ajudar a equilibrar os canais de incêndio digitais e físicos, introduzir novos produtos e serviços ou melhorias e apoiar a tecnologia que aprimora os processos de aquisição e retenção de clientes.

Entre as tendências específicas, o ITC observou que o 5G está se movendo em direção à adoção em larga escala no lugar do P2B. Além disso, o link se tornará estrategicamente importante para apoiar a experiência do desenvolvedor; ITC observa que 70% das empresas oferecem modelos funcionais digitalmente, com um aumento na automação, colaboração e compartilhamento de conteúdo.

Em 2021, os gastos com defesa ultrapassarão US $ 900 milhões no Brasil, um aumento de 12,5% em relação ao ano anterior, com investimentos em serviços gerenciados de segurança chegando a US $ 615 milhões. A visibilidade e a segurança dos dados serão um recurso fundamental, dados os ataques cibernéticos em grande escala e o aumento dos novos requisitos de segurança de dados. No entanto, o analista observou que apenas 50% das empresas afirmam estar em estágios avançados de conformidade com as regras de proteção de dados e que mapear e controlar dois terços dos dados é o seu maior desafio.

READ  Caso bizarro de tartarugas marinhas cruzadas no nordeste do Brasil | Horizon: EU Journal of Research and Innovation

A infraestrutura e plataforma de nuvem pública, que deve chegar a US $ 3 bilhões por custo de serviço no Brasil, aumentará 46,5% até 2020, de acordo com as previsões da nuvem. O modelo de nuvem privada também crescerá em um ritmo constante, totalizando US $ 614 milhões até 2021, e o maior crescimento será um serviço na nuvem privada, que deve crescer 15,5% até 2021.

Ainda na nuvem, quase 43% das empresas desejam trazer alguns de seus sistemas de gerenciamento para a nuvem nos próximos dois anos. Para 31% dos sistemas brasileiros, substituir o aplicativo atual por uma opção de serviço é a abordagem preferida para modernizar a carga de trabalho. Nesse cenário, a ITC prevê um aumento de 12,6% nos gastos com software empresarial para finanças, contabilidade, gestão de pessoas e propriedades, controle de produção, logística e cadeia de suprimentos, atingindo US $ 3,4 bilhões. 14%.

A adoção de IA também tende a crescer: de acordo com a ITC, um quarto das grandes empresas no Brasil usa IA e aprendizado de máquina. Os gastos com IA no Brasil chegarão a US $ 464 milhões em 2021, impulsionados principalmente por tecnologia da informação e serviços de consultoria de negócios. Os chatpots e assistentes digitais continuarão a crescer em aplicativos corporativos, com a adoção chegando a quase 30%.

A computação de borda deve crescer no Brasil a uma taxa de 16% ao ano entre 2019 e 2023, observou o analista, acrescentando que os dados sobre migração, integração e gerenciamento de automação de aplicativos e ativação em nuvem estão se tornando cada vez mais comuns.

Em termos de hardware, as vendas de tablets e notebooks no Brasil devem chegar a US $ 4,7 bilhões até 2021, um aumento de 21% em relação ao ano anterior, representando 7,3% de todo o investimento em TI no país. Além das TVs inteligentes, o mercado brasileiro de dispositivos inteligentes também deve crescer cerca de 30%, disse o pesquisador.

READ  Brasil supera 10 milhões de casos COVID confirmados: Johns Hopkins