Durante a semana, alguns produtores indagaram sobre a forma de atendimento na Exatoria, que funciona na  Prefeitura Municipal de São Joaquim, contando sobre alguns procedimentos realizados no local, como a demora e a forma em que o trabalho de expedição das notas seriam realizados.

Segundo consta, um grupo de produtores rurais, foi até a Prefeitura e teve que esperar na fila, afim de ser atendido para retirada de suas notas.  “Fila para pegar os blocos, precisamos solicitar melhor atendimento, tem poucas pessoas para atender” frisou um produtor, em um grupo de rede social.

Afim de esclarecer os fatos, a reportagem do Portal On Jack esteve  na Exatoria, onde foi explicado que um problema nas impressões das notas ficais na gráfica, acarretou o dificuldade. “Estamos distribuindo cinco notas para cada produtor, pois estamos com poucas no momento, nós pedimos 30 mil notas, mas como deu um problema na gráfica, nos dividimos para melhor atender os produtores, a partir da próxima semana todos terão as notas em dia” explicou Claudio Matos, servidor responsável pela Exatoria.

Vale salientar, que a exatoria trabalha conveniada com a Fazenda Estadual, apenas os funcionários municipais são cedidos para realizar a emissão das notas, no local existe somente “um” computador com link direto com a secretaria da fazenda estadual.

Ainda sobre a emissão das notas, os produtores rurais tem que ter a consciência em retirar os documentos com antecedência, as notas já estavam disponíveis desde o dia 2 de Janeiro, mas alguns deixam para realizar isso em cima da hora. “Eu sempre expliquei ao produtor para não deixar para última hora, pois se vim retirar a nota e dar baixa no bloco antigo, pode causar um acumulo de trabalho, se eles fizerem isso com antecedência melhora o atendimento” comenta Claudio.

O atendimento ao público estava das 9 horas ás 10:30, no período da  tarde das 13:30 as 16:30, esse motivo é para poder realizar o serviço interno e burocrático, além de guardar todos os documentos e organizar os fichário para os próximos atendimentos. O secretário da Fazenda, Donato Padilha, realizou uma reunião com o secretário de administração, Mauricio Yamashiro, onde resolveram mudar o horário de atendimento durante a safra para melhorar o atendimento ao produtor, “Definimos que o horário será das 9 da manhã até as 11 e a tarde das 13:30 até as 17:30, a partir de terça feira, já vamos estar com todas as notas a disposição dos produtores, o pessoal pode ficar tranquilo que o atendimento será normalizado” explica Donato.

Ainda segundo o secretário, na próxima semana as notas estarão à disposição e os produtores podem procurar antecipadamente para não gerar transtornos, “importante que o produtor não deixe para última hora, assim facilita a vida dele e a dos servidores” finaliza.

Nota Fiscal eletrônica será obrigatória.

A partir de 2017, os produtores rurais de Santa Catarina serão obrigados a utilizar a Nota Fiscal Eletrônica de Produtor Rural (NFP-e). Devido a isso, as prefeituras da região já estão intensificando o trabalho de orientação aos produtores para que façam a migração para o sistema o quanto antes.

Hoje, a emissão de nota de produtor rural é feita por meio de blocos de papel. Com o novo sistema, o agricultor não precisará ir até a prefeitura para prestar contas, o que significa menos tempo gasto com a burocracia. Com a nota fiscal eletrônica, o produtor tem acesso ilimitado.

Hoje, quem já aderiu ao sistema da nota fiscal eletrônica, não poderá mais voltar aos blocos de papel, esse sistema é irreversível, segundo o Decreto Estadual 779 de Julho de 2016.

Mas sabendo que nem todas as localidades de São Joaquim tem Internet, o secretário da Fazenda, Donato Padilha, entrou em contato com representantes da AMURES, para agendar uma reunião com o responsável da Fazenda Estadual, para tentar conseguir alguma notas emergenciais para quem já aderiu ao sistema.” Às vezes o produtor está no sitio e da problema no computador, ou não consegue acessar o sistema, mas vai ter algumas notas para essa emergência, mas isso ainda está em conversação para ver a possibilidade de ser desta forma” explica Donato.

Comentários no Facebook