Eclipse penumbral da Lua foi visto em todo o Brasil

Em São Joaquim, o eclipse teve sua fase máxima por volta das 22h44min

A chegada da lua cheia, nesta sexta-feira, será marcada por um fenômeno conhecido como eclipse penumbral. Ele poderá ser visto em todo o Brasil e em países da Ásia, Europa, África, do Oriente Médio e das Américas do Sul e do Norte.

O eclipse penumbral é um fenômeno astronômico que ocorre quando a lua entra na região da penumbra da Terra e resulta em uma variação do brilho da lua que dificilmente é notada.

A sombra projetada pela Terra tem duas partes denominadas umbra e penumbra. A umbra é uma região em que não há iluminação direta do Sol e a penumbra é uma região em que apenas parte da iluminação é bloqueada.

Em Brasília e nas demais cidades em que está em vigor o horário de verão, o fenômeno tem início previsto para as 20h34min. A fase máxima do eclipse está prevista paras as 22h44min de hoje.

Para quem está na Região Sul, no entanto, o fenômeno assou quase despercebido. Segundo o doutor em Física Atômica e Molecular e professor de Física do Instituto Federal de Santa Catarina, Marcelo Girardi Schappo, diferente de quando a lua entra na umbra da Terra (eclipse total) e fica avermelhada e sem brilho, no eclipse desta sexta-feira haverá apenas um leve escurecimento do satélite natural.

– Será difícil enxergar a diferença até mesmo com telescópios – afirma.

Eclipse do sol no meio do Carnaval

Em agosto haverá outro eclipse lunar parcial, mas não deve ser avistado na Região Sul do Brasil. Empolgante mesmo será o eclipse parcial do sol, previsto para o domingo de Carnaval, 26 de fevereiro.

Conforme Schappo, que organiza grupos de observação do céu em Florianópolis, será possível observar o momento em que a lua interrompe parte do disco solar.